16 março 2014

Resenha #31 - Cinquenta tons de cinza (pode conter Spoiler. Conteúdo adulto!!!)

|| ||


Ficha técnica...

Título: Cinquenta tons de Cinza
Título original: Fifty Shades of Grey
Autora: E. L. James

Editora Intrínseca
480 páginas
Nota:* (1/5)

Opinião da Lary...

Que me desculpe quem gostou do livro mas eu esperava muito mais. Quando eu estava mais ou menos no meio da leitura, descobri que a autora escrevia fics sobre Crepúsculo e ai tudo se encaixou. Quem gostou daquela saga mal escrita, claro que também vai gostar dessa. Eu li com muita garra e lutei muito para não desistir da leitura. O que mais me deixou indignada é que crianças tem acesso fácil a esse livro. Isso não poderia acontecer. Tem cenas de sexo muito fortes.
O livro todo é uma mentira muito grande. Primeiro que a Anastasia é igualzinha a Bella, só que mais bonita e mais desastrada ainda. Quando ela entra no escritório do Sr. Grey, ela cai de cara no chão. Como assim gente? A pessoa é tão lerda assim a ponto de não conseguir se manter em seus próprios pés? Depois disso a coisa só piora.
Eu até sei que existe casos assim mas é muito raro. A Ana está em seu último ano da faculdade, é virgem e só beijou três caras durante sua vida. Como eu disse, acontece mas ai ela fica muito contente em dar a sua virgindade para um cara que pede para bater nela, que diz que não faz amor, fode com força. Enfim... O livro vai piorando a medida que passa e, embora eu seja muito curiosa, não quero mais nem ler os outros dois...
O que eu aprendi nesse livro foi que algumas garotas acham que para conquistar alguém, elas tem que ser completamente submissa a essa pessoa. ISSO NÃO É VERDADE, GAROTAS. A Ana já não tem personalidade nenhuma e ela perde o pouco que tinha durante sua relação com o Sr. Dominador, como ela mesma o chama. Tirando o fato de que ela acha lindo ser perseguida por ele. Ela viaja para ficar com sua mãe e o que acontece? Menos de 24h depois ele está lá. Ele vai atrás dela! E ela acha fofo. Começa a pensar que ele não consegue ficar longe dela...
E é assim o livro todo. Não vou mais me demorar falando sobre o livro. 

Peço desculpas a quem é fã da série. Não tenho o intuito de ofender ninguém, até porque determinado livro nunca agrada a 100% das pessoas. Eu ia fazer um vídeo mas acordei com a garganta super inflamada e com a voz mais estranha do que o normal. Hoje eu espero apenas que vocês não me matem e que me perdoem. Tentei medir bem as minhas palavras, porém acho que não deu muito certo. Juro que li com a mente aberta e que tentei mesmo gostar mas não deu... Seja como for, deixe sua opinião aqui nos comentários, ela é muito importante para mim. Beijos e até a próxima. Com carinho, Lary Zorzenone.

8 comentários:

  1. Adorei a resenha,falam que o livro é muito fora do real mesmo.. Beijos, www.regianefernandes.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ele é mais do que fora do normal. É totalmente fora do mundo real.
      Beijinhos

      Excluir
  2. Eu não sabia nada sobre o livro quando li e logo no primeiro capítulo, TE JURO, eu pensei: "cara, isso parece uma fanfiction de Crepúsculo...". Fiquei tão curiosa que fui atrás de descobrir a inspiração da autora e, TCHARAM, acertei na mosca! hahahaha
    Também fico indignada com esse tipo de mulher que acha normal ser submissa dessa forma. O livro não tem história direito e os personagens são ridículos de superficiais... E pra falar bem a verdade, eu esperava que AO MENOS as cenas de sexo valessem a pena, afinal é um livro "erótico", mas céus. Desculpe quem se excita com aquilo, mas que bela porcaria. Parece que a autora nunca transou na vida.
    Também nem tive vontade de continuar a trilogia; li o primeiro por pura curiosidade e para poder ter uma opinião hahahah

    http://sobrelivroseletras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Dá pra perceber o toque de Crepúsculo né? Não tenho nada contra quem gosta, só acho que eu não vou ler de novo. Eu li Crepúsculo por pura curiosidade e achei muito ruim... Mas enfim. Cada um tem o direito de ler e gostar do que quiser, afinal, nenhum livro vai agradar a todas as pessoas do mundo.
      Obrigada pela visita e volte sempre. Beijinhos

      Excluir
  3. Ah Lary, me julgue mas eu gosto desse livro. E eu AMO Crepúsculo, só não gosto de ser julgada por isso, eu não tenho baixa auto estima, sou muito bem resolvida.
    Voltando à 50 Tons, eu não gosto do fato de ele querer bater nela, isso é bizarro, mas meu preferido ainda é o segundo.
    Tipo, eu vejo a coisa de outra maneira, tudo bem que a Anastasia é boba e tem uma baixa auto estima de dar dó, mas eu não acho que ela goste de apanhar e nem que ela queria ser submissa, ela só muda por que ela está apaixonada por ele. Eu gosto do livro, devorei cada página e acho que as pessoas se moldam sim pelas outras, por amor...
    Enfim, pretendo fazer uma resenha sobre ele também, entendo porque vc não gostou KKKKKK Ah mas seja mais boazinha com as fãs de Crepúsculo, ok???

    Beijos, queridona, achei ótima sua resenha, mesmo AMANDO esse livro de paixão KKK

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não tive intenção de ofender ninguém, Juh. Eu li Crepúsculo e, assim como 50 tons, li com a mente aberta pra tentar gostar, mas não deu. Eu acredito que todo mundo tem o direito de gostar do que quiser e tem que ser feliz assim. Eu, infelizmente, não gostei. Nunca fiquei sabendo de um livro em que todos gostaram ou que todos odiaram. Isso não existe (só HP porque HP é o melhor do mundo suahsuahus), infelizmente. Leia o que te faz feliz, sem se importar com o que vão dizer ;)
      Beijinhos e me desculpe se fui grosseira.

      Excluir
  4. Gostei da resenha apenas me ofendi na parte "Quem gostou daquela saga mal escrita, claro que também vai gostar dessa." Eu AMO Crepúsculo, e não, não gostei de cinquenta tons, odiei, pra ser sincera.
    gramatifiquei.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Me desculpe se ofendi. Eu tentei medir minhas palavras, mas eu estava muito revoltada com o livro. Obrigada pela visita, volte sempre

      Excluir

Quer conversar comigo? Me mande um e-mail: vidasempretoebrancocontato@gmail.com
♥ Chegou até aqui, não custa comentar ;)
♥ Todos os comentários são respondidos e retribuídos, normalmente nas quartas e domingos;
♥ Não faça spam. Apagarei com certeza.
♥ Se tiver alguma dica, crítica ou o que for, pode deixá-la aqui, mas faça com jeitinho, sou sensível
Cada comentário me deixa muito feliz.
Beijos na bochecha

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
© Vidas em Preto e Branco - 2015. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução total ou parcial de qualquer conteúdo do blog.
Criado por: Marcy Moraes.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo