27 março 2019

Resenha #161 - A lista de Brett

|| || 8 comentários:

Brett Bohlinger parece ter tudo na vida — um ótimo emprego como executiva de publicidade, um namorado lindo e um loft moderno e espaçoso. Até que sua adorada mãe morre e deixa no testamento uma ordem: para receber sua parte na gorda herança, Brett precisa completar a lista de sonhos que escreveu quando era uma ingênua adolescente.Deprimida e de luto, Brett não consegue entender a decisão de sua mãe — seus desejos adolescentes não têm nada a ver com suas ambições de agora, aos trinta e quatro anos. Alguns itens da lista exigiriam que ela reinventasse sua vida inteira. Outros parecem mesmo impossíveis.Com relutância, Brett embarca numa jornada emocionante em busca de seus sonhos de adolescência. E vai descobrir que, às vezes, os melhores presentes da vida se encontram nos lugares mais inesperados.

25 março 2019

Relatos de uma mãe de primeira viagem - Miguel fez 4 anos

|| || 6 comentários:
Última quarta feira, dia 20, meu pequeno príncipe completou 4 anos de idade. 4 anos... Eu sei que eu sou muito clichê, vivo admitindo isso aqui, mas como o tempo passou rápido. Sinto como se ontem estivesse grávida e hoje sou mãe de um pequeno homenzinho todo independente.

23 março 2019

Resenha #160 - Mulher com Brânquias

|| || 2 comentários:
Livro recebido para leitura em parceria com a autora. Todas as opiniões aqui presentes são de opinião minha, sem interferência, na tentativa de passar a vocês o que senti ao longo do livro.
Rita, professora universitária, começa a ter visões de uma realidade paralela, como se estivesse o tempo todo mergulhada num aquário. Em casa, no trabalho ou na rua, ela se vê rodeada por seres aquáticos e especialmente pelo "grande peixe", uma criatura fantasmagórica que a persegue, mas que ninguém mais enxerga. Como se não bastasse, sua pele é tomada por escamas aos poucos, de forma dolorida e fantástica. Brânquias surgem em seu corpo, e isso pode significar o início ou o fim de uma jornada.

15 março 2019

Vida de Leitor - Meu problema com Distopias

|| || 14 comentários:
Pra quem me acompanha aqui no blog, ou chegou de paraquedas, acho que fica fácil perceber o quanto eu amo distopias. Eu acredito no poder que histórias assim tem de nos fazer pensar e evitar esses futuros tenebrosos que são retratados das mais diversas formas. Se você não sabe direito o que são distopias, recomendo que leia o post Entendendo gêneros literários: Distopia. É um post super completo falando tudo que você precisa saber sobre o gênero.
Agora eu devo ter confundido todos. Se eu amo tanto distopias, qual o meu problema com elas?

13 março 2019

Resenha #159 - Tá todo mundo mal

|| || 10 comentários:

Do alto de seus 25 anos, Julia Tolezano, mais conhecida como Jout Jout, já passou por todo tipo de crise. De achar que seus peitos eram pequenos demais a não saber que carreira seguir. Em tá todo mundo mal, ela reuniu as suas "melhores" angústias em textos tão divertidos e inspirados quanto os vídeos de seu canal no YouTube, "Jout Jout, Prazer".Família, aparência, inseguranças, relacionamentos amorosos, trabalho, onde morar e o que fazer com os sushis que sobraram no prato são algumas das questões que ela levanta. Além de nos identificarmos, Jout Jout sabe como nos fazer sentir melhor, pois nada como ouvir sobre crises alheias para aliviar as nossas próprias!

11 março 2019

Layouts semanais pro seu Bullet Journal

|| || 10 comentários:
Já estão cansados de me ver aqui declarando meu amor ao Bullet Journal? Espero, sinceramente, que não, pois eu amo o método e amo fazer esses posts aqui, dando dicas, mostrando meu bujo e tal's. Hoje vamos falar sobre planejamento semanal.

09 março 2019

Resenha #158 - A maldição do lobisomem

|| || 4 comentários:
Livro recebido em parceria com o autor. Todas as opiniões aqui presentes são minhas, sem interferência, na tentativa de passar o que senti ao longo da leitura.
Como seria nosso mundo se o lobisomem não fosse apenas um mito? Esta é a pergunta que a obra Crônicas da Lua Cheia – A Maldição do Lobisomem tenta responder.Alexandre é atacado por um lobisomem, mas escapa quase ileso com apenas uma mordida. Desse momento em diante, sua mente jaz adormecida nas noites de lua cheia. Sob o halo prateado do plenilúnio, seu corpo se altera radicalmente para se transformar num ser animalesco, faminto e sanguinário.Solitário, a contraparte bestial de Alexandre, aprende a sobreviver longe da proteção da alcateia e se ressente das limitações da sua existência noturna, bem como das excruciantes dores da metamorfose arcana. Quando finalmente encontra seu lugar no seio de um grupo de lobisomens, Solitário descobre que uma obscura profecia, conhecida apenas por um velho licantropo exilado, pode ser a chave que poderá libertá-lo da sua maldição: a coexistência com seu alter-ego humano.Dessa forma, a vida mundana de Alexandre e a busca de Solitário vão convergir para um evento que afetará sobremaneira a vida de ambos. E, no final, só pode haver um.

07 março 2019

Top 10 - Livros escritos por mulheres pra ler em Março (ou em qualquer outro mês do ano)

|| || 18 comentários:
Oi minhas amoras e meus amores. Que post complicado tenho para escrever, mas a culpa é puramente minha por ter tido essa ideia hehe. Enfim, hoje vamos falar de livros incríveis, ao menos na minha concepção, que foram escritos por mulheres, mulheres maravilhosas. Vamos a lista, que não está em ordem de preferência, pra variar.

05 março 2019

Filmes e séries para apreciar o sotaque britânico

|| || 12 comentários:
Já falei aqui no blog, em alguns posts, que eu aprendi inglês e a gostar da língua quando resolvi que ia assistir as coisas que gosto na língua original. Acreditem em mim, isso pode mudar uma vida. Eu aprendi e continuo aprendendo muito fazendo isso. E, como boa observadora que acredito ser, eu adoro quando aparece algum sotaque diferente do americano padrão. Hoje, vim indicar filmes e séries com sotaque britânico (que amo) pra treinar os ouvidos e pra babar porque, fala sério... sotaque britânico é tudo de bom.

03 março 2019

Minha palavra favorita: Solitude

|| || 8 comentários:

Algum tempo atrás, estava buscando por palavras intraduzíveis. Sabe? Aquela palavra ou expressão que só existe naquela língua e você pode explicar o que é, mas que não existe uma outra palavra pra aquilo, como cafuné. Enfim. Durante essa pesquisa, encontrei a palavra Solitude, junto com seu significado, e eu fiquei muito feliz em encontrar essa palavra.

01 março 2019

Um mês curtinho, mas cheio de coisa - Resumo e favoritos Fevereiro

|| || 6 comentários:
Olá Amoras e Amores. Fevereiro acabou e 2019 já está me deixando zonza com tanta rapidez. Fevereiro foi um mês gostosinho e com muitas séries e Realytis. Já sabe, dá play ai na e vamos ver como foi esse mês.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
© Vidas em Preto e Branco - 2015. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução total ou parcial de qualquer conteúdo do blog.
Criado por: Marcy Moraes.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo