29 março 2018

Vamos falar sobre - Queer Eye

|| ||
Olá minhas Amoras e meus Amores. Tudo bem com vocês que ficam ai do outro lado da tela me lendo? Espero que sim. Por aqui está tudo bem, obrigada. 
Vamos falar de ´serie hoje novamente, mas não é bem série... É tipo um reality show, sabe? Vamos lá. Nesse reality temos 5 gays incríveis, cada um especializado em alguma coisa. Um em moda, outro em designe, outro em alimentação e vinhos, outro em penteados e cuidados e outro em cultura. E esses cinco gays maravilhosos (I miss them) tem como missão ajudar homens héteros em todas essas áreas ai que citei. São homens de várias idades, com várias situações de vida. Eu, pra variar um pouco, me emocionei com cada uma das histórias.
O primeiro episódio já me ganhou. E, sim, foi por conta dele que eu continuei vendo a série. Ah, esqueci de falar. Eu vi a série como indicação no canal da Carol Moreira e vou deixar o vídeo que ela indicou a série ali em baixo. Como eu estava dizendo, o primeiro episódio é muito lindo. Estamos conhecendo os garotos, sabendo mais sobre eles e é muito legal em ver como o participante está realmente disposto a conhecer eles. Ele dá algumas mancadas, mas é bem divertido. É o tipo de mancada que todo mundo já deu com algum gay.
Eu ia falar episódio por episódio, mas mudei de ideia. O que eu vou falar é:

  • É uma série super inclusiva. Tem um episódio, muito emocionante, onde eles são enviados para ajudar um cara que quer, finalmente, se assumir gay pra sua madrasta, que é a única pessoa que ele tem. E ai todos eles falam como foi se assumir, e tals. Muito fofo.
  • Essa série é meio que o rebot de uma série mais antiga no mesmo estilo. E bem no início do primeiro episódio o Tan fala: No primeiro show os gays queriam somente ser tolerados. Hoje estamos aqui buscando por aceitação. Quem sabe daqui uns anos a gente não precise mais falar sobre homossexuais serem aceitos, não é mesmo?
  • Todos eles são muito engraçados. Cada qual com seu jeito único, os cinco fabulosos são engraçadíssimos. 
  • Tem gay de todo tipo, pra todo gosto. Tem o gay esteriótipo, toda Beyoncé. Tem o gay quietão, que anda "que nem macho", tem o que adora moda, tem o que super entende de decoração, tem o que cozinha. Entende? São quatro gays, mas com personalidades bem diferentes entre si. E isso é incrível porque vai mostrando pras pessoas que nem sempre você vai saber quando alguém é gay ou não. A gente tem que tratar as pessoas pelo que são, e não por suas escolhas sexuais, religiosas e o que mais for.
  • É uma série pra todos. Acho, inclusive, que todos os héteros deveriam assistir e aprender muito com essas viadas incríveis. (E, sim, eu digo o viadas com todo o amor que existe no meu coração)
Gente, acho que falei tudo que eu queria sobre a série, mas eu sei que depois vou ler e achar uma merda e que eu não falei nada do que queria falar. Mais alguém sofre disso? Enfim, espero que tenham gostado e me contem se já conheciam a série ou se eu que estou indicando. Ah, assistam o vídeo da Carol. O canal dela é incrível, sempre falando sobre filmes, séries e cosias assim.



Aproveita que você já vai estar no Youtube e assiste o vídeo da Anna sobre a série também. Eu vi o vídeo depois de tudo já pronto e programado, mas eu não poderia deixar de indicar o vídeo e o canal dela como todo.

Conta pra mim o que você achou sobre o que falei da série e, se já assistiu, fala o que achou. É sempre bom trocar experiências. Um beijo grande pra cada um de vocês e brilha gata.



12 comentários:

  1. Olá,
    Ah, eu lembro da primeira versão dessa série, passava bastante - acho que no E! - quando eu era adolescente haha. Que legal que a Netflix resolveu dar uma nova chance. Há uns realitties que acho sem graça, mas a premissa desse é bacana e que desperta sentimentos bons. E os caras são bonitos sos haha.
    Vou ver se consigo assistir uns epis.

    até mais,
    Nana - Canto Cultzíneo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Nana
      Eu não vi primeira versão da série, mas achei essa da Netflix simplesmente incrível e já estou doida para uma segunda temporada.
      Até a próxima

      Excluir
  2. Oi!
    Eu não sou fã de série não, mas também nunca ouvi falar dessa. Gosto quando as séries de hoje em dia trazem outros temas e viés a seu enredo, isso é importante pra que a gente consiga abrir a mente e tenha ensinamentos.
    Beijos
    http://www.suddenlythings.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu sou viciada em séries e essa foi uma que me pegou do início ao fim.
      Beijos

      Excluir
  3. Nossa, não conhecia esse reality show.Parece muito bom né?Algo bem diferente do quê estamos acostumados a ver, e algo que TODO mundo precisa ver.

    ameiiii a indicação :)

    beeijão
    https://bookelandia.blogspot.com.br/
    https://floreiacarol.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente é algo pra todos assistirem. Fala de assuntos muito importantes.
      Beijos

      Excluir

  4. Eu nunca tinha ouvido falar dessa série, mas já quero assistir ♥♥♥
    Adorei tudo o que você escreveu e já despertou a minha curiosidade.
    Já tô indo assistir :)

    ótimo feriado
    bjo

    Tati C.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Tati
      Espero que tenha aproveitado o feriadão pra maratonar essa série incrível. Eu estou esperando um anúncio de segunda temporada pra acalmar meu coração.
      Beijo

      Excluir
  5. Guria, não tinha noção de que essa série era assim! Eu já ouvi falar muito nela, mas nunca tinha parado pra pesquisar mesmo sobre o que era e tal, sabe? Agora fiquei bem curiosa, ainda mais por ser nesse formato meio reality. Vou ver se assisto assim que puder!
    Um beijão,
    Gabs | likegabs.blogspot.com ❥

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Gabs
      A série é toda incrível. Assiste, vai ;)
      Beijo

      Excluir
  6. Lary, eu sou igual você, as vezes fico empolgada pra escrever um post e quando termino percebo que escrevi muito, mas nada do que eu queria, kkk.
    Eu ainda não conhecia esse reality e gostei bastante, até fui procurar o trailer no youtube. O que eu mais achei legal é que são gays ajudando homens. Por que é muito fácil ver um gay dando dicas para mulheres, mas, muitos homens são preconceituosos e acham que a ajuda de um gay significa que ele tem segundas intenções, entende? E a tolerância não é preconceituosa. Eu posso não concordar, mas o mínimo que preciso fazer é respeitar.
    Vou procurar assistir o Reality.
    Beijo, www.apenasleiteepimenta.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Leslie
      A série é incrível por diversos motivos e um deles é o que você mencionou de serem gays ajudando homens. E é muito legal que no final de cada episódio eles vem um vídeo de como o cara que ajudaram está se saindo e todos mencionam eles como algo muito bom que aconteceu na vida, sabe?
      Beijos

      Excluir

Quer conversar comigo? Me mande um e-mail: vidasempretoebrancocontato@gmail.com
♥ Chegou até aqui, não custa comentar ;)
♥ Se deixar o seu link clicável, eu vou retribuir seu comentário, pode ter certeza;
♥ Não faça spam. Apagarei com certeza.
♥ Se tiver alguma dica, crítica ou o que for, pode deixá-la aqui, mas faça com jeitinho, sou sensível.
♥ Para saber o que respondi, ative a caixa de notificações de próximos comentários.
Cada comentário me deixa muito feliz.
Beijos na bochecha

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
© Vidas em Preto e Branco - 2015. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução total ou parcial de qualquer conteúdo do blog.
Criado por: Marcy Moraes.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo