20 janeiro 2018

Entrevistando a autora - Camila Pelegrini fala sobre escrever distopia

|| ||
Que dia feliz. Dia de mais uma entrevista com autor. Adoro trazer essas entrevistas aqui porque acredito que incentiva vocês  conhecerem outros autores e já saem daqui sabendo o que eles escrevem e coisas do tipo. Enfim, vamos a entrevista com a fofa da Camila.

VePeB - Seu primeiro livro é uma distopia com elementos fantásticos. Como foi pra você escrever uma distopia? Quando soube que iria inserir elementos fantásticos?
CP - Foi uma experiência fantástica, porque me confortável pra explorar questões que acho muito importantes através do texto. O elemento fantástico surgiu sem planejamento, mas quando surgiu, percebi que era tudo o que eu queria e precisava para a história.

Leia aqui a outra entrevista já feita com a autora

VePeB - Como funciona o seu processo de criação de personagem? Eles surgem prontos ou você tem que ir trabalhando a personalidade deles aos poucos?
CP - Eles em geral surgem com traços bem definidos de personalidade. Sei quem são, sei suas histórias, motivações e ideais, mas durante a construção do enredo e da história passo a conhecê-los melhor. Vão se tornando mais reais, mais profundos e mais complexos.

VePeB - Distopias geralmente são um alerta para o que pode vir a acontecer no mundo. Você considera a sua um alerta?
CP - Considero uma reflexão. Sou apaixonada por distopias justamente por esse potencial de crítica e questionamento que possuem, e espero ter conseguido utilizar a minha pra esses fins também.

VePeB - Como surgiu a ideia de escrever uma distopia?
CP - O fim, a mensagem e os personagens surgiram fortes na minha cabeça, e eu me dei conta de que tudo podia ser explorado através de uma distopia. Não tenho certeza se foi uma escolha minha ou da história.

Leia a resenha de Sombras do medo

VePeB - Enquanto escrevia o Sombras, você conseguia visualizar o cenário? Eu consegui visualizá-lo durante minha leitura. Você acha difícil descrever o local de suas histórias?
CP - Que bom saber disso! Consegui sim. Ainda hoje, quando penso no Sombras, consigo ver tudo. Essa é uma pergunta interessante. Acho que sinto menos dificuldade pra descrever o ânimo e sentimento dos meus personagem do que para descrever os cenários.

VePeB - Que dica você daria para alguém que quer escrever distopias?
CP - Sinta, reflita, observe, seja empático, questione. Acho que distopias exigem muito de nossa habilidade de observar o mundo, seus problemas e os problemas que existem dentro de nós. Escrever uma exigiu que eu tentasse enxergar a crueza de muitas realidades, ainda que o texto do Sombras seja infanto juvenil.

VePeB - Obrigada por responder mais essa entrevista. Deixe seu recado para os leitores.
CP - Eu que agradeço todo o apoio, carinho e espaço de sempre. É sempre um prazer e uma honra enorme estar aqui com vocês!

Leia mais sobre distopias

 A Camila é uma querida e adorei poder fazer mais essa entrevista com ela. A distopia que ela escreveu e bem boa e recomendo muito. Se você também gosta do gênero, me indique novos livros e autores. Vou adorar. Um beijo grande e até a próxima.



20 comentários:

  1. Oiê!
    Muito legal a entrevista, não conhecia ela.
    Beijos!

    https://regianeferreirablog.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ela é uma autora incrível e já falei dela aqui no blog inúmeras vezes. Os livros dela são os melhores.
      Beijos

      Excluir
  2. Oi Lary, muito bacana a entrevista, a autora parece mega simpática, eu imagino que deva ser muito, muito difícil escrever distopias.

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ela é um doce de pessoa. Eu também imagino que não deva ser nada fácil. Mas se for parar pra pensar, acho que não é fácil escrever nenhum tipo de livro. Todos exigem muito.
      Beijos

      Excluir
  3. muito bacana o post, acho muito legal poder saber mais sobre os autores!

    ResponderExcluir
  4. Olá! Tudo bem?
    Passando aqui pra convidar você a conhecer o meu blog.
    Não conhecia a autora, mas adorei a entrevista.
    Um abraço,
    Thamiris Nunes ~ miiistoquente

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá
      Eu deixei linkado as resenhas dela aqui no blog. Vai lá conhecer os livros dela ;)

      Excluir
  5. Olá! Eu já conhecia a Camila e já li a distopia dela, passa mesmo uma mensagem muito importante. Além disso a Camila é muito gente boa. Queria encontra-la pessoalmente!

    www.ooutroladodaraposa.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Uma das autoras que mais quero conhecer é ela. Ela é sempre tão fofa comigo... Estou relendo o Sombras e é só tapa na cara.

      Excluir
  6. super bacana esse post com a entrevista!distopia é um dos meus generos literários favoritos

    www.tofucolorido.com.br
    www.facebook.com/blogtofucolorido

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se não for o meu favorito, é um dos que mais gosto. Amo uma boa distopia.

      Excluir
  7. Amei a entrevista, não conhecia a autora mas já achei ela super fofa.

    Beijos!
    www.floresceraalma.blogspot.com

    ResponderExcluir
  8. Oi Lary
    Tudo bem?
    Que legal a sua entrevista! Adorei saber mais sobre a Camila
    Beijos!
    https://edarosa.blogspot.com

    ResponderExcluir
  9. Você é demaiiiis! Amei participar, e ficou tudo tão lindo!

    Obrigada pelo convite, carinho e trabalho de sempre ❤️

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Mila
      É sempre uma honra ter você por aqui

      Excluir

Quer conversar comigo? Me mande um e-mail: vidasempretoebrancocontato@gmail.com
♥ Chegou até aqui, não custa comentar ;)
♥ Se deixar o seu link clicável, eu vou retribuir seu comentário, pode ter certeza, da mesma forma que não deixar o link pode resultar em falta de retribuição;
♥ Se o seu comentário for: Adorei seu blog. Retribui? A resposta é NÃO;
♥ Não faça spam. Apagarei com certeza.
♥ Se tiver alguma dica, crítica ou o que for, pode deixá-la aqui, mas faça com jeitinho, sou sensível.
♥ Para saber o que respondi, ative a caixa de notificações de próximos comentários.
Cada comentário me deixa muito feliz.
Beijos de brigadeiro

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
© Vidas em Preto e Branco - 2015. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução total ou parcial de qualquer conteúdo do blog.
Criado por: Marcy Moraes.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo