29 setembro 2015

[Vida de Leitor] - Preconceito com literatura nacional

|| ||
Na foto, alguns dos livros de parceria. Em breve tiro uma atualizada hehe
Estive lendo vários textos que falam sobre o preconceito existente entre os brasileiros e sua própria cultura. Em grande parte, eu concordo, por outro lado; comecei a me sentir uma exceção.
Aprendi a ler e a gostar de ler com as histórinhas do brasileiríssimo Maurício de Souza e até hoje sou apaixonada por essa turminha. A maior parte dos livros que li durante minha infância são de autores nacionais e me orgulho muito disso. Nunca li clássicos, infelizmente, mas pretendo. Mesmo hoje em dia, ao menos metade de minhas leituras anuais são nacionais, em grande parte graças a parcerias.
Confesso que não sou fã do cinema nacional. Cabem nos dedos de uma mão os filmes brasileiros que me atraem. O mesmo não acontece com a música. Amo Roupa Nova e gosto bastante de vários sertanejos, alguns hapers e coisas assim. Uma pena que a música nacional seja tão discriminada.
Voltando ao foco: a literatura nacional vem ganhando mais espaço, principalmente graças a auto publicação. Se incentivássemos mais os autores brasileiros, a literatura nacional ganharia o mundo.
Deixe um pouco o preconceito de lado e dê uma chance para os autores brasileiros. Toda literatura é válida e tenho certeza de que irão se surpreender muito positivamente com nossos novos escritores. Conheça os autores parceiros do blog. Leia as resenhas clicando nos links correspondentes.

Amora
Cisne
Além dos autores parceiros, nosso Brasil produziu e produz autores de alto nível. Procure saber sobre sua cultura, sobre tudo de bom e enriquecedor que brazucas produzem. Ouvi uma coisa recentemente que me deixou bastante abismada. A pessoa leu um livro nacional, gostou e disse que ele nem parecia nacional. Porque não parecia nacional? Porque era bom? Muitos nacionais são bem melhores do que o que vem de fora e isso não quer dizer que ele não pareça nacional. Apenas quer dizer que é um autor que se dedica, que respeita os leitores e busca fazer algo de qualidade.
Jogue esse preconceito bobo para escanteio e mergulhe em nossa literatura. Surpreenda-se com histórias magníficas. Identifique-se com as personagens e com os ambientes. Tenho certeza de que não irão se arrepender. Um grande beijo e até a próxima.

14 comentários:

  1. Oi Lary, tudo bem? :)

    Super interessante seu post Lary! Ainda mais quando estado tanto com o tema de livros nacionais na cabeça ultimamente por causa daquele projeto pessoal que postei no blog, lembra? Estou tentando realmente todos os preconceitos que pudessem restar em mim, e realmente me surpreendendo e amando cada livro lido <3

    Uma Vida Para Sempre, Sombras do Medo... são alguns dos milhares de livros incríveis que temos por aqui e acabamos por não dar a nos mesmos a chance de ler algo tão incrível quanto esses livros <3

    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Day. Estou bem, obrigada.
      Eu vi seu projeto e fiquei encantada. Eu sou super a favor da literatura nacional e acho que temos que colocar todos nossos preconceitos de lado e nos dar a chance de conhecer novas histórias, independentes de onde elas vieram.
      Beijos

      Excluir
  2. Oi Lary,
    Excelente texto! Eu lia muitos gibis quando era criança, depois parti para livros nacionais, daqueles, por exemplo, da coleção vaga-lume e por aí vai. Eu amava, que saudade! Eu quero reler todos, todos eles.
    Também não curto muito os filmes nacionais e assim como você, um ou outro estão salvos, mas são poucos. Quanto a musica, eu adoro ouvir Chico, Engenheiros do Hawaii, Clarice Falcão, O Rappa, etc. Eu tenho um gosto bem eclético para músicas.
    Ok, a literatura nacional. Eu amo clássicos! Sou fã, fã mesmo. Agora, tenho um pensamento formado quanto aos autores nacionais atuais. É bom que estejam ganhando mais reconhecimento, sinto-me extremamente feliz por isso. Mas, muitos dos nossos autores clássicos passaram a ser reconhecidos somente postumamente. É necessário ter certa paciência. Ah, tem uma autora nacional que eu admiro bastante, seus livros são incríveis, ela se chama Carol Sabar. Você conhece?
    Beijos - Blog Historiar

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Thami
      Fico muito feliz que tenha gostado. Eu também me deliciava com os livros da coleção Vagalume. Acho que eles poderiam ser republicados. Não conhecia a Carol, mas vi que já ouvi falar sobre seus livros. Geralmente artistas são reconhecidos postumamente mesmo, o que é uma pena.
      Beijos

      Excluir
  3. Lary, eu li muitos clássicos da literatura brasileira na minha vida e na faculdade (Sou formada em Letras) fui obrigada a ler tantos outros. Confesso que eu tinha esse terrível preconceito, mas estou desfazendo dessa ideia porque tem muita coisa boa!! Acabei de descbri uma autora fantástica que depois vou falar mais sobre. Eu agora estou aberta a ler todo e qualquer tipo de literatura! Preciso ampliar os horizontes!
    Luci
    Ponto de Exclamação

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Luci eu acredito que obrigar alguém a ler algo não leva a nada. Quando fazemos algo obrigados, aquilo se torna apenas um dever e todo o prazer que poderia estar incutido na leitura fica pra fora e acabamos não gostando nem um pouco. Por isso sou a favor das escolas que solicitam leituras deem uma lista com vários livros para que os alunos possam escolher o que mais lhes agrada.

      Excluir
  4. Eu amo livros nacionais, já i livros maravilhosos e sempre recomendo
    inclusive tenho o da boca pra dentro que você também tem

    Mil beijocas
    ⋙ ♥ Blog Livros com café
    participe do concurso que está rolando lá no blog

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também já li vários e sempre gosto de indicar nacionais. sempre que posso, indico um nacional, pois sei que muitas pessoas ainda tem preconceito com eles. Da boca pra dentro é um lindo livro cheio de sentimentos.
      Beijos

      Excluir
  5. Olá,
    Foi como eu disse agora há pouco, eu procuro tratar os autores nacionais e internacionais de forma igual, de modo a não fazer distinção. E tenho encontrado MUITOS, mas muitos MESMO livros bons na literatura nacional, o que me enche de orgulho e alegria.
    Beijos.
    Memórias de Leitura - memorias-de-leitura.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também fico bem orgulhosa, Inês. Acho que o brasileiro tem que aprender a ter mais orgulho do que produz.
      Beijos

      Excluir
  6. Eu, sinceramente, não vejo o porquê de tanto preconceito com os autores nacionais. Até porque, geralmente, os livros nacionais não deixam a desejar na qualidade literária.
    A única explicação que consigo conceber é explicada pelo ditado popular: "A grama do vizinho é sempre mais verde". Talvez haja quem pense assim em relação a nossa literatura.

    Desbrava(dores) de livros - Participe do nosso top comentarista de outubro. Serão seis livros para três vencedores.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acredito que seja exatamente esse o pensamento de muitos leitores. Nossa literatura é muito rica. Temos autores reconhecidos em todo o mundo. Eu não digo para lerem apenas nacionais e deixar todos os outros de lado, mas valorizar nossa cultura não custa nada.

      Excluir
  7. Também acho inconcebível que o brasileiro seja tão preconceituoso com a nossa literatura. Ela deveria ser mais valorizada, as pessoas deveriam dar valor ao que termos aqui dentro antes de idolatrar o que vem de fora.

    Minhas Impressões

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. concordo Maria, mas não é sempre assim? O que vem de fora parece sempre mais atrativo.

      Excluir

Quer conversar comigo? Me mande um e-mail: vidasempretoebrancocontato@gmail.com
♥ Chegou até aqui, não custa comentar ;)
♥ Posso até demorar, mas todos os comentários são respondidos
♥ Se deixar seu link no fim de um comentário decente, irei retribuir com todo carinho
♥ Não faça spam. Apagarei com certeza.
♥ Se tiver alguma dica, crítica ou o que for, pode deixá-la aqui, mas faça com jeitinho, sou sensível
Cada comentário me deixa muito feliz.
Beijos na bochecha

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
© Vidas em Preto e Branco - 2015. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução total ou parcial de qualquer conteúdo do blog.
Criado por: Marcy Moraes.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo