29 julho 2015

Resenha #52 - Sombras do Medo

|| ||
Livro cedido para resenha em parceria com a autora. Todas as opiniões aqui presentes são minhas e puramente minhas. Foi uma tentativa de passar a vocês sensações que tive durante a leitura.
Sombras do medo foi a primeira distopia nacional que li e não poderia ter ficado mais satisfeita. A Camila criou um mundo futurístico onde o meu maior pesadelo se tornou realidade.
Neste futuro, a água é escassa, árvores são quase que inexistentes assim como os animais. A chuva é rara, o solo é seco, o plantio é difícil. Coisas que para nós parecem tão banais, para eles é impensável.
Como não poderia deixar de ser, existe a parcela mínima dessa população que possui tudo. Em uma espécie de bairro murado, vivem os governantes e os outros singulares. Dentro dos limites desses muros, está a pouca água, os animais e as árvores.
Os ordinários, os que vivem fora dos muros, tem que trabalhar na terra, para que o pouco alimento produzido possa ser enviado aos singulares e trocados por parcelas mínimas de água.
Se já não bastasse tudo isso, uma antiga ameaça ressurge. Um terrível monstro começa a devastar aquela terra já assombrada pelo medo e pela fome.

A opinião da Lary sobre o livro...

Para mim, essa distopia fantástica foi construída de forma excelente. Durante a leitura, fiquei tão vidrada na história que quando fazia uma pausa e entrava no Facebook, ficava me perguntando: como é possível que ninguém esteja falando dos ataques? Ai depois eu me lembrava de que só eu estava vivendo naquele mundo.
Ane, a personagem principal, é uma menina muito corajosa. Sua mãe, Amanda, é uma mulher forte que teve que aprender a viver em um mundo diferente. Na sua infância, o mundo era meio como o que conhecemos, então ela teve que se readaptar a uma outra realidade. Acredito que ela deva sofrer mais com essa realidade do que sua filha. O pai de Ana morreu durante a construção do muro que cerca os singulares. Muitos ordinários morreram na construção.
Ane tem um melhor amigo, Vi, que sempre as ajuda como pode. Dá pra perceber bem no início que Vi sente algo a mais do que apenas amizade pela Ana. Além de Vi, Ana tem uma outra amiga, uma senhora que me fugiu o nome agora. Ana acaba sedendo, muitas vezes, sua parte de alimento para ela e para um outro misterioso amigo.
É um pouco irritante toda essa bondade dela? Mais ou menos, mas eu acredito que muitas pessoas teriam atitudes semelhantes em meio aquele mundo tenebroso em que vivem. Durante toda a leitura e até hoje, imagino a Ane como uma menina pequena, de traços finos e delicados. Bonita.
Claro que tem também uma pitadinha de romance nessa história. O Henry, nosso querido galã, é o tipo de homem por quem todas suspiram, mas nem todas tem coragem de arriscar. Logo é possível perceber tudo o que ele faz pela Ane e que isso não agrada a todos. Imagino o Henry como o Jensen Ackles (me abana).
Acontecem algumas mortes no livro que me deixaram muito muito sentida e triste :'( Sempre me envolve no história ai fico sofrendo junto com as personagens. O livro foi cheio de reviravoltas, extremamente viciante e envolvente.
Tem a parte fantástica da coisa que é quando ressurge uma ameaça antiga, um monstro tenebroso. Foi bem legal tentar descobrir porque esse monstro voltou e mais legal ainda poder conversar com a Camila enquanto ia lendo, falando pra ela de minhas suspeitas e, nas páginas seguintes descobrir que eu estava certa *-*
Durante a leitura, percebemos que a maldade que existe no mundo é a maldade que habita o coração de cada um. Se no lugar de atos maldosos, fizéssemos boas ações, isso refletiria e as pessoas fariam o bem também. Dá pra ver também que nem sempre as pessoas são más só porque vivem em um ambiente mau. nem sempre também essas pessoas são a favor de sua vida, elas apenas aprendem a aceitar.
Esteticamente, o livro foi muito bem feito. A capa é maravilhosa, mas não me recordo muito bem se tem muito a ver com a estória. A diagramação está ótima, a revisão foi muito bem feita, o espaçamento está bom e as páginas são amareladas (viva!!!). Outra coisa bem legal é que o livro é contado por diversos pontos de vista, como da Ane, dos governantes e até mesmo dos monstros. Ai da pra saber bem a forma como cada qual vive e pensa.
Como podia um mesmo mundo suportar realidades tão distintas? O que tornava os singulares tão diferentes dos ordinários?

Pra ficar com vontade...

"Havia maldade em excesso no mundo. A bondade havia se tornado a exceção." pág 87

Ficha Técnica...

Título: Sombras do Medo
Autora: Camila Pelegrini
Editora Garcia Edizioni
200 páginas
Nota: ***** (5/5)
Nota no Skoob: 4.7

Trecho escolhido para o projeto Poteando Quotes
O livro cumpriu itens do Desafio Literário? Sim
Quais?
Um livro de literatura brasileira
Um livro escrito por uma mulher
Um livro com capa bonita
Um livro ganho
Um livro com menos de 250 páginas
Um livro com prólogo
Um livro com epílogo

Concluindo: Sombras do medo é uma distopia envolvente e arrebatadora. Com certeza re fará pensar sobre sua vida, seus atos e a consequência deles. Tem romance na medida, aventura, suspense e é escrito de uma forma deliciosa, fazendo a leitura fluir. Comigo não foi assim, mas acredito que ele possa ser lido em um dia.

10 comentários:

  1. Oi, Lary.
    Já tinha visto resenhas positivas sobre esse livro, que inclusive está na minha lista de desejos.
    Por ser ser de uma autora nacional fico ainda mais feliz porque parece um livro sensacional.
    Sua resenha ficou muito boa.
    Desejo sucesso à autora.
    Abraços.
    Diego || Diego Morais Viana

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá
      Eu achei uma estória maravilhosa e estou recomendando super. Espero que tenha a chance de lê-lo.
      Que bom que gostou ;)
      Abraços

      Excluir
  2. Oii!
    Tudo bem?
    Vejo várias resenhas sobre esse livro e sempre muito positivas. Parece um livro incrível e desejo mto ler.
    Bjs
    mundoemcartas.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi
      Estou bem, obrigada. É uma estória bem envolvente. Espero que o leia.
      Beijos

      Excluir
  3. Olá Lary,
    Nunca tinha ouvido sobre este livro. Mas adorei sua resenha, fiquei muito feliz em saber que existe mais livros nacionais bons.
    Parece que é um livro incrível.
    Ah! Conheci seu blog hoje e já me tornei seguidora. Espero você no meu.
    http://quetal-carol.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá
      É um livro relativamente novo e que, infelizmente, ainda não conquistou todo o espaço que merece.
      Fico muito feliz que tenha gostado do meu espaço. Indo conhecer o seu.

      Excluir
  4. Só te digo uma coisa, dona Lary: valeu cada segundo de espera (entenda-se tortura de sua parte me avisando que estava para sair haha) por sua opinião.
    Você estava com medo de não conseguir expressar tudo o que havia sentido lendo, agora digo o mesmo no que se refere À sua resenha <3

    Amei, amei, amei!
    Mil vezes obrigaada!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu só tenho a agradecer pela nossa parceria, pela oportunidade de ter lido uma obra tão envolvente. Acredite ou não, eu ainda sinto que deixei escapar muita coisa na resenha, mas é até bom, assim fica pra imaginação do leitor e pra atiçar a curiosidade para que ele leia.

      Excluir
  5. Nossa, muito interessante, vou adicionar ao meu skoob pra já!

    Beijos

    brevesrabiscosblog.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Espero que não adicione somente no Skoob, mas também na estante e na cabeça ;)
      Beijos

      Excluir

Quer conversar comigo? Me mande um e-mail: vidasempretoebrancocontato@gmail.com
♥ Chegou até aqui, não custa comentar ;)
♥ Todos os comentários são respondidos e retribuídos as quartas e ao domingos.
♥ Para deixar seu link, use esse exemplo Nome do seu blog
♥ Não faça spam. Apagarei com certeza.
♥ Se tiver alguma dica, crítica ou o que for, pode deixá-la aqui, mas faça com jeitinho, sou sensível
Cada comentário me deixa muito feliz.
Beijos na bochecha

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
© Vidas em Preto e Branco - 2015. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução total ou parcial de qualquer conteúdo do blog.
Criado por: Marcy Moraes.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo