15 julho 2015

Resenha #51 - Que tal esta noite?

|| ||
Eu ganhei Que tal esta noite? em uma cortesia do Skoob. Antes de decidir lê-lo, li a resenha da Izabela Lopes, que era a única que o tinha resenhado no Skoob, e fiquei super curiosa. Assim, o peguei da prateleira e realizei a leitura que, mesmo cuidando da casa e do Miguel, levei apenas algumas horas para realizar.

A opinião da Lary Sobre o livro...

Bridie Clark nos apresenta uma obra na qual a personagem principal não tem nome pois, afinal, ela é você. Exatamente isso. Você é a personagem principal e você decide o rumo da história. Sua personagem começa em seu quarto, no campus da universidade, conversando com uma amiga, e então, ao final de cada capítulo, você escolhe o que ela fará, dando assim, um rumo diferente para a história.
Achei bem bacana isso de poder decidir o futuro da minha personagem, como em um RPG, embora o desfecho da minha história não tenha sido o que eu achei que seria.
Eu tentei fazer as escolhas baseada em mim mesma, tentando imaginar o que eu faria em cada uma daquelas situações, mesmo sendo meio difícil me imaginar em um lugar como o descrito.
Com certeza é um livro que relerei para saber se o destino de minha personagem mudaria.

Ficha Técnica...

Título: Que tal esta noite?
Autora: Bridie Clark
Editora Verus
204 páginas
Nota: **** (4/5)
Nota no Skoob: 2.8
Quote escolhida para o projeto Poteando Quotes

O livro cumpriu itens do Desafio Literário? Sim
Quais?
Um livro em um dia
Um livro escrito por mulher
Um livro ganho
Um livro de uma série
Um livro com menos de 250 páginas
"Nas palavras imortais da Beyoncé, nunca pense que você é insubstituível."

Conclusão: Que tal está noite é um livro leve e bem rápido de ser lido. Uma ótima opção para depois de uma leitura mais pesada ou pra quando tudo o que você quer fazer é relaxar.

16 comentários:

  1. Oi, Lary.
    Puxa, achei sensacional o fato de podermos escolher o destino da história.
    A leitura leve e rápida me interessou também.
    Abraços.
    Diego || Diego Morais Viana

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu achei a leitura bastante interessante. Com certeza vale muito a pena dar uma chance, nem que seja apenas para conhecer o estilo de escrita diferenciado.
      Abraços

      Excluir
  2. Olá,
    Nunca tive uma experiência com um livro desse tipo, mas garanto que vontade é o que não falta, morro de curiosidade para saber como uma autora faria algo assim, sei lá. Não entra na minha cabeça.
    Beijos.
    Memórias de Leitura - memorias-de-leitura.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi
      Pois é. Até agora não consigo imaginar como a autora conseguiu criar tantos caminhos alternativos, tantas possibilidades.
      Beijos

      Excluir
  3. Olá!!!
    Eu já li o "Quando uma garota entra em um bar" que é no mesmo estilo autônomo para o leitor. Acho essa ideia bem legal, de você poder não apenas se colocar no lugar da personagem mas ser a tal!
    O mais legal é pensar como a autora fez para conciliar tudo na hora de escrevê-lo, bem dinânimo e divertido!
    BeiJU!

    Paixão de Leitora | Fanpage

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi
      Não sabia que Quando uma garota entra em um bar é no mesmo estilo. Que bacana. Eu queria muito saber como a autora conseguiu escrever algo assim.
      Beijos

      Excluir
  4. "Que tal está noite é um livro leve e bem rápido de ser lido. Uma ótima opção para depois de uma leitura mais pesada ou pra quando tudo o que você quer fazer é relaxar" estou precisando ler um livro assim, ando meio cansado e um pouco estressado. Valeu pela indicação

    Abraços
    www.rascunhocomcafe.com/2015/07/moby-dick-uma-tragedia-em-alto-mar.html

    ResponderExcluir
  5. Olá!!

    Que curioso. Um livro que lembra um jogo estilo visual novel, em que você escolhe, de acordo com as opções, o futuro da personagem!! Pena que talvez eu não teria coragem de fazer um desses, mas é legal a história...

    Até mais

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi
      Eu não sei se não teria coragem de escrever algo assim. Não sei se eu conseguiria kkkkk. São tantas possibilidades...
      Até

      Excluir
  6. Oi Lary, adorei isso...poder decidir o destino da personagem é super bacana e genial...parece ser uma leitura muito dinâmica...fica a dica pra uma nova leitura.

    Beijokas da Quel
    http://literaleitura2013.blospot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi
      É bem dinâmico mesmo. Espero que tenha a chance de ler e goste da leitura, Quel.
      Beijos

      Excluir
  7. Que sorte você ter ganhado um sorteio do Skoob. Isso nunca aconteceu comigo ):
    E que livro inovador. Me deixou curiosa, quero ver como ficaria a minha história.

    Minhas Impressões

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esse já é o segundo livro que ganho de cortesia deles haha Sou sortuda. Ano passado, ganhei 8 sorteios.
      É bem inovador mesmo. Se tiver a chance, leia e depois vem me contar o que achou ;)

      Excluir
  8. Que legal esse livro, Lary! Eu não conhecia!
    Achei fantástica a ideia de podermos escolher o que acontece no decorrer da leitura.
    Muito legal mesmo!

    Beijo grande!

    www.oblogdasan.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É muito bacana mesmo. Se tiver oportunidade, leia e divirta-se ;)
      Beijos

      Excluir

Quer conversar comigo? Me mande um e-mail: vidasempretoebrancocontato@gmail.com
♥ Chegou até aqui, não custa comentar ;)
♥ Todos os comentários são respondidos e retribuídos, normalmente nas quartas e domingos;
♥ Não faça spam. Apagarei com certeza.
♥ Se tiver alguma dica, crítica ou o que for, pode deixá-la aqui, mas faça com jeitinho, sou sensível
Cada comentário me deixa muito feliz.
Beijos na bochecha

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
© Vidas em Preto e Branco - 2015. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução total ou parcial de qualquer conteúdo do blog.
Criado por: Marcy Moraes.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo